Publicidade:

Com Onda do Ano Billy Kemper vence “Oscar das ondas grandes”

Com o que descreveu ser a onda de sua vida, o havaiano Billy Kemper vence o prêmio de Melhor Onda do Ano no Red Bull Big Wave Awards 2020.

A onda foi surfada pelo atleta no dia 20 de janeiro de 2020, em Pe’ahi, Maui, Havaí, e filmada pelo filmmaker Are Frapwel.

https://www.instagram.com/p/CEHsZeeFDXT/

Um pouco após a ocasião, Hardcore publicou a matéria “Billy Kemper em uma das ondas mais impressionantes já surfadas”.

Leia um trecho abaixo:

“Kemper vem na de trás. Ele está muito deep no pico. Ele dropa na remada, faz a cavada e adianta para a parede da onda, onde de algumas maneiras consegue dar passadas com uma prancha que deve ter algo próximo dos 10 pés de comprimento, enquanto a onda se desdobra por cima de sua cabeça; um gigantesco túnel de água salgada que se move e tenta engolir o orgulho do filho da ilha de Maui. Mas não consegue. Billy sai cuspido após atravessar a que deve ser uma das maiores bolas de espuma já surfadas pelo homem.”

Leia a matéria na íntegra aqui.

A Onda do Ano feminina

Falta ainda a WSL divulgar a vencedora da categoria de Onda do Ano entre as mulheres.

A brasileira Michaela Fregonense está entre as finalistas, junto de Paige Alms e Justine Dupont.

Clique aqui e confira todos os indicados da categoria Onda do Ano, masculina e feminina, do Big Wave Awards da Liga Mundial de Surf.


Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias