26 C
Papeete
sábado, 20 julho, 2024
26 C
Papeete
sábado, 20 julho, 2024

Alma Panamericana: Adrian Kojin entra para o time da Hardcore

Um reforço de peso acaba de chegar para fortalecer a equipe Hardcore e trazer conteúdos riquíssimos para nossos leitores: Adrian Kojin.

Surfista apaixonado e um dos mais renomados jornalistas especializados em surf do Brasil, Kojin foi diretor de redação da revista Fluir por dez anos e editor chefe da Surfers Journal Brasil, além de colaborador de revistas estrangeiras como as americanas Surfing e Water, e a francesa Trip Surf.

Adrian também escreveu artigos para diversos veículos como o jornal Folha de S.Paulo e as revistas Surfer, Venice, Duas Rodas e Próxima Viagem, falando sobre uma de suas paixões aliadas ao surf: as viagens.

Ele já visitou mais de trinta países, a maioria para surfar, mas sem deixar de explorar a cultura e as peculiaridades dos lugares por onde passou.

Veja também:

+ 35 anos depois, Adrian Kojin refaz icônica viagem

+ Saquarema: como nasceu o Maracanã do Surfe?

+ Mulheres viram surfistas e provocam revolução silenciosa no Sri Lanka

Em 1987, aos 24 anos, Adrian Kojin percorreu a Rodovia Pan-Americana a bordo de uma motocicleta trazendo consigo uma câmera fotográfica, uma prancha de surf e algumas mochilas.

Partindo da Califórnia (EUA), ele passou os próximos oito meses percorrendo 13 países latino-americanos até chegar ao Brasil: México, Guatemala, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Costa Rica, Panamá, Colômbia, Equador, Peru, Chile, Argentina e Uruguai.

Ao longo da viagem desbravou ondas então completamente desconhecidas, e surfou sozinho em picos hoje altamente crowdeados.

Viveu situações de alto risco, uma vez que muitos desses países atravessavam algum tipo de conflito em meio aos tumultuados anos 1980, mas também experimentou a liberdade em sua forma mais pura.

O diário e as fotos dessa viagem se tornaram um livro: Alma Panamericana, publicado em 1994, que colocou Adrian definitivamente no radar dos principais veículos de surf do mundo, impulsionado uma bem-sucedida carreira no segmento.

Há cinco anos foi o 30º aniversário da expedição, e foi então que Adrian decidiu reviver a experiência pan-americana, mas, dessa vez, ele irá pegar a estrada para fazer um documentário sobre a experiência e também colaborar com a Hardcore como editor especial, relatando suas percepções, descobertas e comparações com o que viveu há 35 anos e, claro, o que encontrará pela frente.

A viagem começa neste sábado, 13 de agosto, e pelos próximos nove meses, Adrian produzirá um rico material que será publicado em primeira-mão em Hardcore.com.br.

Bem-vindo, Adrian!

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias