22 C
Hale‘iwa
quinta-feira, 18 abril, 2024
22 C
Hale‘iwa
quinta-feira, 18 abril, 2024

Mundial Junior

Foram fases finais complicadas, pois os atletas tiveram que esperar por três dias e, mesmo assim, as ondas não vieram. Mas neste domingo as quartas, semis e final do World Junior Championship (WJC) aconteceram onde começaram, North Narrabeen, Sydney, Australia. Quando o campeonato voltou, nós brasileiros ainda tínhamos Caio Ibelli e Miguel Pupo na disputa. Na primeira bateria, Ibelli venceu Kiron Jabour, porém na última das quartas Miguel acabou caindo frente ao local Mitch Crews, que além de conhecer o pico, ainda tinha grande parte da torcida ao seu lado. Vieram então as semis e Caio vestiu seu john para enfrentar aquele que já despontava como “não-aussie” favorito, Marc Lacomare. O francês venceu (ainda que com dificuldade) Caio Ibelli e seguiu para a final. Na outra bateria, que definiria o segundo finalista Nat Young enfrentou o local Mitch Crews. “Aquela foi a melhor onda que veio em todo o evento, simplesmente tinha uma parede perfeita”, explicou Nat Young sobre a nota 8.5 que o fez virar a bateria. “Fiz uma grande curva e depois outra, então dei um floater. Foi um pouco estranho. É aniversário da minha mãe e eu sinto que esta onda foi mandada por ela”, completou o americano. O resultado desta bateria foi um dos mais apertados de todo o campeonato, 13.40 contra 13.60 para Young. Assim seguiu o World Junior Championship para uma bateria final franco-americana: Lacomare x Young. Nat começou a bateria acelerado, logo pegou as duas ondas que fizeram sua média, 11.50. Depois ficou agonizando com notas inferiores a três e passou longe dos sete que precisava para vencer o campeonato. Marc Lacomare, de touca de natação branca (devido a um acidente com sua quilha no quarto round), foi paciente e precisou de apenas seis ondas para fazer sua somatória de 14 pontos cravados. Vitória francesa e também vitória australiana, pois após faturar a primeira etapa do Junior Championship em Bali e um 9º em North Narrabeen, Jack Freestone levou o troféu do circuito. “Tem sido uma montanha-russa de emoções ver as baterias se desenrolarem”, disse Freestone, “Muitos parabéns para todos os caras. É um sonho se tornando realidade. Nunca pensei que isso fosse acontecer após ficar em 9º neste evento”. Como prêmio àqueles que terminaram em Top 4 (Jack Freestone, Nat Young, Dale Staples e Caio Ibelli): vaga no round dos 96 em todos os eventos Prime da ASP no ano de 2011. HIGHLIGHTS ÚLTIMO DIA BILLABONG WJC Billabong ASP World Junior Championships Final Result: 1 – Marc Lacomare (FRA) 14.00 2 – Nat Young (USA) 11.50 Billabong ASP World Junior Championships Semifinals Results: SF 1: Marc Lacomare (FRA) 11.07 def. Caio Ibelli (BRA) 10.03 SF 2: Nat Young (USA) 13.60 def. Mitch Crews (AUS) 13.40 Billabong ASP World Junior Championships Quarterfinals Results: QF 1: Caio Ibelli (BRA) 15.00 def. Kiron Jabour (HAW) 10.37 QF 2: Marc Lacomare (FRA) 15.27 def. Charles Martin (GLP) 11.90 QF 3: Nat Young (USA) 10.83 def. Dale Staples (ZAF) 9.60 QF 4: Mitch Crews (AUS) 13.54 def. Miguel Pupo (BRA) 9.84 Billabong ASP World Junior Rankings (Top 8): 1: Jack Freestone (AUS) 2: Nat Young (USA) 3: Dale Staples (ZAF) 4: Caio Ibelli (BRA) 5: Mitch Crews (AUS) 6: Kiron Jabour (HAW) 7: Marc Lacomare (FRA) 8:Charles Martin (GLP)

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias