Publicidade:

KELLY CAMPEÃO

Hoje, o americano Kelly Slater mostrou que ainda é o surfista mais temido do WT. Depois de surfar sozinho na sua bateria do quinto round, seu adversário Chris Davidson ficou doente e não conseguiu cair na água, Slater ganhou sua revanche contra Owen Wright, nas quartas-de-final, com uma excelente somatória de 17.03 pontos. Na semifinal, o careca surfou contra Mick Fanning, que se demonstrou nervoso na bateria. Mick sentiu a pressão e errou várias vezes, enquanto Kelly mostrou todo o seu repertório dentro d’água. Na outra semi, Bede Durbidge venceu o queridinho da torcida, Dane Reynolds, com facilidade. Dane não conseguiu acertar nenhuma batida e não tirou mais do que 3 pontos em suas ondas. Na final, Bede escolheu bem suas ondas e executou boas manobras, mesmo assim, não chegou ao nível de surf que Kelly apresentou. Slater deu todos os tipos de batidas, floaters, aéreos, até arrancou um tubo, coisa que não é muito comum de ver em Lowers Trestles, e não deu chances para o aussie. Kelly Slater agora é o líder isolado do World Tour e aumentou muito suas chances de conquistar o décimo título mundial este ano. Aguarde, nas próximas atualizações, a análise completa do campeonato por Julio Adler.

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias