26 C
Hale‘iwa
terça-feira, 23 abril, 2024
26 C
Hale‘iwa
terça-feira, 23 abril, 2024

day off

Texto e Fotos Nê Addas Trestles é, sem dúvida, uma das melhores ondas da Califórnia. Localizada ao sul da cidade de San Clemente, escondida atrás de uma enorme mata, o único meio de acesso é caminhando – leva em média 25 minutos. Talvez um dos picos mais tradicionais de surf da Califórnia que não tem Black Ball (bola preta colocada no mastro da torre de salva-vidas indicando a não prática de surf no verão, entre 10h30 até 17h30). Com fundo de pedras redondas e água cristalina, principalmente no verão, Trestles é uma máquina de ondas perfeitas. O nome do pico se origina das pontes construídas para sustentar os trilhos dos trens norte-americanos que ligam Los Angeles a San Diego. A onda possui várias seções, cada uma com um nome diferente. Do sul para o norte vem Churchs, a onda mais isolada. Depois Middle, que fica entre Churchs e Lowers. Este último (Lowers), localiza-se mais ao sul e tem a melhor formação, com um braço de direita extenso e tubular. Logo depois vem Uppers, onde rolam esquerdas perfeitas, principalmente com swell vindo de sul. E por último Cottons, que leva esse nome devido ao morro em frente ao pico com a casa construída por H.H. Cotton, que morou lá desde os anos 50. Anos depois, esta casa foi residência do ex- presidente Richard Nixon. Há vários anos que Trestles tem sido palco da etapa californiana do WT. Suas ondas perfeitas e bem hotdog proporcionam uma plataforma ideal para os atletas darem show de surf, como a final entre Kelly Slater e Taj Burrow na etapa de 2008. Quem esteve por lá pôde acompanhar uma das melhores baterias da história. Quando o swell está perfeito, você encontra alguns surfistas acampados no meio da mata de Trestles, para serem os primeiros a caírem na água, pois o crowd nos dias clássicos é insano. Há um ano e meio atrás, Slater montou seu QG por lá durante os melhores swells, e ele arrepiou todos os dias.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias