26 C
Papeete
sábado, 20 julho, 2024
26 C
Papeete
sábado, 20 julho, 2024

Reef Hawaiian Pro: Sebastian vence

Por Kevin Assunção

Depois de seis dias de espera, o swell chegou a Haleiwa neste sábado (24) e o havaiano Sebastian Zietz sagrou-se campeão do Reef Hawaiian Pro, primeira etapa do Vans Triple Crown of Surfing. Alejo Muniz ficou em quarto lugar.

Os primeiros 25 minutos da decisão foram de glórias para Sebastian Zietz e de frustração para Alejo, John John e Freddy Patacchia. Zietz aplicou boas rasgadas e somou 14.66 pontos.

A reação de JJ aconteceu nos 10 últimos minutos. Primeiro, pegou uma esquerda, mas não encontrou a rampa para decolar. Em seguida, dropou uma direita, executou uma rasgada e aterrissou de um aéreo insano, ainda sem nome, que valeu 9.20.

Florence assumiu a liderança com 5.50, mas por pouco tempo. Zietz executou uma sequência de três manobras potentes, recebeu 7.50 e desbancou o atual campeão da Tríplice Coroa Havaiana.

Alejo completou dois bons lay backs, só que as ondas que escolheu não abriram, e ele ficou em quarto lugar.

Zietz venceu a primeira semifinal, com 15.43 pontos. Mas o destaque da bateria ficou para a disputa pela segunda colocação entre Freddy P. e Sunny Garcia.

Após disputa na remada a 5 minutos do final, o local de Haleiwa pegou a onda, ligou quatro rasgadas e recebeu 7.53, superando a somatória de Sunny, com 15.03 contra 11.36.

Quando se encontraram no lineup, a situação ficou tensa com a discussão dos dois, que só terminou na areia, quando Freddy P. foi tirar satisfações com Sunny, mas foi contido por alguém que estava na areia.

A segunda semi também foi quente, só que desta vez em relação à qualidade das direitas surfadas. John John cravou a maior somatória do campeonato, 18.00, com carves, laybacks e rasgadas jogando as quilhas para fora da água.

Alejo também se classificou em grande estilo. O catarinense tirou a maior nota do confronto, 9.60, por um cutback e duas rasgadas – sendo que na segunda inverteu muito a rabeta. Ele acumulou 17.70 pontos contra 17.27 de Bede Durbidge, o terceiro colocado.

John John e Alejo também encontraram-se nas quartas, que teve Jadson André eliminado. O potiguar não encontrou boas ondas e somou apenas 2.80 pontos.

Por pouco


Medina não encontrou outra esquerda decolável como essa. Foto: ASP/Kirstin

Willian Cardoso precisava passar uma bateria para garantir a classificação para o WCT 2013. Mas, no Round 4, o catarinense encontrou apenas uma onda boa e foi eliminado no confronto que teve Alejo Muniz como vencedor.

Outro brasileiro que perdeu na quarta fase foi Gabriel Medina. Ele priorizou as esquerdas e conquistou sua maior nota, 6.17, por um aéreo full rotation com indy grab.

Medina perdeu a segunda colocação para Jadson André, a 2 minutos do fim. Em uma direita, o potiguar conectou quatro batidas e recebeu 5 pontos, um a mais do que precisava. O aussie Perth Standlick foi o melhor durante os 30 minutos.

Onda polêmica


Simpo desbancou Slater nos últimos segundos. Foto: Cestari

Faltavam 5 segundos para o término da quarta bateria do Round 4, que teve séries demoradas e ruins. Cory Lopez liderava o confronto americano com 7 pontos somados e Kelly Slater seguia na cola, com 6.43.

Uma direita veio e Slater, mais ao fundo, dropou. Um pouco mais a frente, Brett Simpson entrou na mesma onda. O Careca se esforçou para passar a seção de espuma, mas não conseguiu.

Simpo então olhou para trás, viu Kelly fora da onda e executou três batidas e um cutback. Os juízes não consideraram interferência e deram nota 6.07 para Brett, que se classificou com 6.94 pontos somados.

O 11-vezes campeão mundial não entendeu a decisão dos juízes. "Dizer que Simpo não interferiu no potencial da minha onda é loucura", disse Kelly, após a bateria.

A janela de espera da próxima parada da Tríplice Coroa Havaiana, em Sunset Beach, começa neste domingo (25). Acompanhe o Vans World Cup of Surfing ao vivo aqui.

Vans Triple Crown of Surfing – Ranking
1. Sebastian Zietz (HAW) – 6500 pts
2. John Florence (HAW) – 5.200 pts
3. Fredrick Patacchia (HAW) – 4450 pts
4. Alejo Muniz – 4000 pts
13. Jadson André – 2200 pts
17. Willian Cardoso – 1300 pts
       Gabriel Medina 
33. Heitor Alves – 700 pts
       Wiggolly Dantas
49. Jessé Mendes – 650 pts
       Alex Ribeiro
       Filipe Toledo
65. Jean da Silva – 400 pts
       Hizunomê Bettero
       Ricardo dos Santos

81. Thiago Camarão – 370 pts
97. Jano Belo -113 pts
       Flávio Nakagima
113. Caio Ibelli – 74 pts

Final
Sebastian Zietz (HAW) 17.76; John Florence (HAW) 14.70; Fredrick Patacchia (HAW) 13.50; Alejo Muniz 8.70

Semis
#1 Sebastian Zietz (HAW) 15.43; Fredrick Patacchia (HAW) 15.03; Sunny Garcia (HAW) 11.36; Kolohe Andino (USA) 9.07
#2 John Florence (HAW) 18.00; Alejo Muniz 17.70; Bede Durbidge (AUS) 17.27; Tom Whitaker (AUS) 12.17

Quartas
#1 Sebastian Zietz (HAW) 14.90; Sunny Garcia (HAW) 13.10; Jeremy Flores (FRA) 12.87; Brett Simpson (USA) 12.50
#2 Fredrick Patacchia (HAW) 11.17; Kolohe Andino (USA) 11.16; Matt Wilkinson (AUS) 9.07; Cory Lopez (USA) 6.20
#3 John Florence (HAW) 16.87; Alejo Muniz 13.27; Ezekiel Lau (HAW) 12.13; Jadson André 2.80
#4 Bede Durbidge (AUS) 11.40; Tom Whitaker (AUS) 11.10; Perth Standlick (AUS) 9.20; Dusty Payne (HAW) 8.10

Round 4 (últimas seis baterias)
#3 Matt Wilkinson (AUS) 17.17; Sunny Garcia (HAW) 15.33; Michel Bourez (PYF) 13.93; CJ Hobgood (USA) 10.26
#4 Cory Lopez (USA) 10.66; Brett Simpson (USA) 6.94; Kelly Slater (USA) 6.80; Patrick Gudauskas (USA) 2.50
#5 John Florence (HAW) 16.77; Dusty Payne (HAW) 14.77; Kekoa Bacalso (HAW) 7.74; Dane Reynolds (USA) 1.10
#6 Alejo Muniz 12.16; Tom Whitaker (AUS) 11.00; Willian Cardoso 8.40; Nathan Hedge (AUS) 4.34
#7 Bede Durbidge (AUS) 12.70; Ezekiel Lau (HAW) 11.73; Keanu Asing (HAW) 10.17;  Evan Valiere (HAW) 8.10
#8 Perth Standlick (AUS) 11.87; Jadson André 11.60; Gabriel Medina 10.67; Gavin Gillette (HAW) 2.67

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias