Origem dos objetos, compostos por um derivado do petróleo, ainda é desconhecida. No ano passado, caixas similares encalharam em praias da região

Por Redação HC

Caixas misteriosas encalharam na última semana em diversas praias do Nordeste, sendo que um desses objetos, no último sábado (8/6), causou um acidente fatal que deixou dois mortos e outras duas pessoas feridas na praia de Santa Rita, em Extremoz, região metropolitana de Natal.

Veículo envolvido no acidente em Natal no último sábado ( Divulgação/Instituto Biota de Conservação)

Segundo o Sindibuggy (Sindicato dos Bugueiros Profissionais do Rio Grande do Norte), os três passageiros foram arremessados do veículo devido ao impacto da colisão com o pacote de borracha. O motorista conseguiu ficar dentro do veículo, mas quebrou uma das pernas.

Pacotes similares ao que causou o acidente no Rio Grande do Norte encalharam por primeira vez em Alagoas. Na ocasião, 100 caixas foram encontradas e recolhidas. A Polícia Federal e o Ibama ainda não descobriram a origem dos objetos nem seus responsáveis.

O IMA (Instituto de Meio Ambiente de Alagoas) colheu amostras dos pacotes e concluiu que se trata de polímero sintético (borracha), um composto originado de petróleo.

Segundo o Instituto Biota de Conservação, novas caixas voltaram a encalhar na última semana em Alagoas, na Paraíba e no Piauí.

 

VEJA TAMBÉM:
– MATEUS HERDY É CONFIRMADO COMO CONVIDADO NO OI RIO PRO 
– TUBARÕES DEVORAM BALEIA E ASSUSTAM SURFISTAS NA AUSTRÁLIA – VEJA 
-60 TUBARÕES INVADEM PRAIA E HELICÓPTERO RESGATA SURFISTAS